Início > Gestão > Manutenção: do projeto a gestão do ativo físico

Manutenção: do projeto a gestão do ativo físico


Resolvi elaborar este texto que fala exatamente sobre o tema do 25° Congresso Brasileiro de Manutenção. Ainda irei abordar alguns temas que foram apresentados no Congresso e que acredito que seja relevante à comunidade de manutenção.

Fiz muitas anotações das idéias que foram expostas pelo palestrante Celso Azevedo (ASSETSMAN) sobre o assunto de gestão de ativos industriais e a seguir destaco as que considero mais interessantes no meu ponto de vista com algumas observações feitas por mim.

A principal idéia é que a gestão dos ativos industriais gerencia os equipamentos ao longo de todo o ciclo de vida do mesmo e não somente após a instalação como é muito comum de ser visto.

Toda vez que se fala em redução de custos em manutenção a primeira coisa que se pensa é em aumentar o intervalo das manutenções preventivas dos equipamentos, porém sem levar em consideração o risco envolvido nesta tarefa. A revisão dos planos de manutenção preventiva deve acontecer constantemente, porém de maneira muito criteriosa.

Estima-se que os mantenedores passam 80% do tempo efetuando troca de peças e isso não pode ser considerado de forma alguma gestão de ativo. Uma manutenção cara não se alinha com gestão de ativos. Com um ativo mal gerido torna-se maior o risco de indisponibilidade.

Outro grande problema em relação a gestão do ativo é saber o momento exato de descartar um ativo, pois normalmente faz-se o uso do mesmo até mesmo quando não está mais agregando valor.

Por isso ocorra a necessidade de tomar atitudes para haver a gestão eficaz dos ativos, para que todos os processos sejam envolvidos em todas as etapas da vida do ativo e que não sejam tomadas ações isoladas e muito menos levando em consideração os aspectos essencialmente técnicos.

Deve haver uma mudança de postura por quem administra a manutenção e se basear em fatos, pois achar tira a credibilidade de qualquer profissional, seja ele de manutenção ou não.

Termino e texto com uma frase do Celso que achei muito interessante, falando sobre a necessidade de sensibilizar a gerência para haver uma mudança de postura quanto a gestão dos ativos:

Uma idéia só é boa quando ela não te pertence mais.

Anúncios
Categorias:Gestão
  1. Nenhum comentário ainda.
  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: